segunda-feira, 19 de maio de 2014

Hora das letras

É a hora chegou, sabia que isso iria acontecer, mas tinha que ser tão cedo, ainda não me conformo. Brincadeira, passo a sineta adiante, e sei que irão continuar com uma luta grandiosa, tentei fazer o máximo, porém não somos perfeitos, mas a perfeição está no percorrer o caminho, em cada ano um defender esta ideia, esta jornada, ai que está a perfeição, saber que a cada mãos que a sineta passa, são mão hábeis, com capacidades de fazer a diferença, representar esta jornada, alcançando cada dia mais e mais adeptos a ideia.
Não sei por que fui escolhido no ano passado, em um território onde há mestres, me sinto honrado pela escolha, porém me sinto mais honrado em passar esta história adiante, e sei que aquela que vem, virá para fazer a diferença.

Seja bem vinda patrona Márcia Martiny, será uma honra passar esta sineta, símbolo de luta e defesa das letras, a uma pessoa tão querida por nossa comunidade. Seja muito feliz, assim como sou, tendo a honra de ser patrono da Feira do Livro de Montenegro.

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

História da escrita de Montenegro

Por Gelson Weschenfelder

Após uns três de pesquisa, publico aqui a lista com os nomes dos escritores de Montenegro. Foi cadastrados nomes de escritores que nasceram, residem ou residiram ou exercem ou exerceram alguma atividade profissional em nossa cidade.

Muitas dificuldades foram encontradas, datas de nascimento e cidade onde nasceram os escritores, ano das publicações, datas de falecimento e etc. a pesquisa esta longe de ser concluída, porém a primeira etapa está, está um levantamento de nomes de escritores, cidade onde nasceram, ano de nascimento, ano de falecimento, nomes das obras e ano de publicação destas.

Em alguns casos, alguns desses dados não foram encontrados. porém se alguém tiver estes dados, ficarei feliz em receber estes, pois esta pesquisa não é somente para mim, é para Montenegro, a Cidade das Artes.

A segunda etapa da pesquisa, logo se inicia, consiste na busca da biografia de cada escritor levantado.

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Mais um ano

Mais um ano se passa
um ano que ganhei a mais na idade
na experiência
uma ano que perdi de vida
pois chego mais perto do ano de minha morte.